Casa Municipal da Cultura


Enquadramento histórico do edifício

O edifício da actual Casa Municipal da Cultura de Seia foi inaugurado em 1983, funcionando no piso térreo o Cineteatro, propriedade da Câmara Municipal de Seia e no piso superior o Bingo de Seia, da Sociedade Figueira Praia.
Posteriormente o Bingo encerrou, funcionando naquele espaço o Salão das Magnólias, com um bar de apoio.

Em Outubro de 1995, coincidindo com a realização da primeira edição do Cine’Eco – Festival Internacional de Cinema de Ambiente, a Câmara Municipal de Seia inaugura este espaço superior, depois de obras de remodelação e que incluem os espaços actualmente em funcionamento. Daí para cá, foi ganhando corpo o complexo no seu todo, como Casa Municipal da Cultura de Seia.

Descrição do Edifício

A Casa Municipal da Cultura é uma estrutura de grande dimensão, localizada em pleno centro da cidade, e que engloba o Cine-Teatro, o Auditório (também designado por Salão das Magnólias), as Galerias Municipais, o Espaço Internet e a Loja Ponto Já.

O Cine-Teatro tem uma sala com 350 lugares, equipada com som e luzes, dispondo de amplo palco e camarins, sendo por isso um Espaço próprio para sessões de cinema, teatro, concertos, seminários e conferências.

O Auditório, onde se realizam com frequência seminários, conferências e outros eventos, é constituído por uma sala com 150 lugares, equipada com som e audiovisuais, (data show, internet, vídeo, televisão, retroprojector, projector de slides, quadro magnético) dispondo de cabines de tradução e um hall próprio para iniciativas simultâneas, além de uma sala de reuniões, com capacidade para cerca de 40 pessoas.

O Espaço Internet é uma estrutura que possibilita às pessoas o acesso gratuito à Internet, funcionando de segunda a sexta-feira das 10 às 18 Horas.

As Galerias Municipais constituem um espaço com condições próprias para exposições diversas nos domínios da pintura, cerâmica, fotografia e outras artes plásticas.

A Casa Municipal da Cultura é uma das várias infra-estruturas culturais da cidade, com capacidade para proporcionar à cidade condições para uma prática de animação complementar à oferta turística do concelho, no contexto da Serra da Estrela.

Rider Técnico


Espaço Cénico
Largura de Palco - 10 m
Profundidade do Palco - 6 m
Largura de boca de cena - 8 m
Altura da boca de cena - 4 m

Plateia
- Tem capacidade para 348 espectadores
- Tem uma cabine com equipamento de projecção e na própria sala (plateia) há espaço para colocação de mesas de luz, som e projecção;
- Tem bilheteiras electrónicas;
- Tem espaço de ensaio próprio;
- Tem 4 camarins equipados e com capacidade mínima de 10 pessoas;